Coral Espírita Irmã Scheilla

Em agosto de 1961, um grupo de senhoras, por sugestão dos guias espirituais, reuniram-se para cantar nas reuniões públicas do Centro Oriente e da Casa Espírita André Luiz (núcleo assistencial do Grupo Scheilla), bem como nas reuniões de confraternização (ConfraScheilla), que antes eram no segundo domingo de cada mês, para harmonização e equilíbrio.Em agosto de 1961, um grupo de senhoras, por sugestão dos guias espirituais, reuniram-se para cantar nas reuniões públicas do Centro Oriente e da Casa Espírita André Luiz (núcleo assistencial do Grupo Scheilla), bem como nas reuniões de confraternização (ConfraScheilla), que antes eram no segundo domingo de cada mês, para harmonização e equilíbrio.

As irmãs D. Felícia Vono e D. Braulina Avelar trabalharam por 19 anos para vencer as diversas dificuldades de percurso. Houve a colaboração do maestro Joaquim Monteiro Oliveira que fez arranjos a 4 vozes, do maestro Geraldo Paulo e da maestrina Eliaci de Souza Soares. O repertório era composto por músicas espiritualizantes recebidas por vários médiuns do movimento espírita, notadamente: João Cabete, Welson Barbosa, Geraldo Paulo, Diná Lemos e outros.

O Coral Scheilla se expandiu e aprimorou sua técnica, sendo hoje reconhecido e valorizado em várias partes do Brasil, tendo já se apresentado em  Salvador, Ilhéus e Vitória da Conquista / BA; Curitiba e Ponta Grossa / PR; Joinvile / SC; Itaperuna, Petrópolis, Volta Redonda, Duque de Caxias, Marambaia, Santo Antonio de Pádua e Três Rios / RJ; São Paulo, Guaratinguetá, São João da Boa Vista e Cruzeiro / SP; Vitória, Vila Velha e Guarapari / ES; Três Lagoas e Campo Grande / MS; Santo Antônio do Monte, Pará de Minas, Itabira, Divinópolis, Ubá, Guidoval, Caratinga, Barbacena, Lavras, Ponte Nova, Muriaé, Montes Claros, Araxá, Teófilo Otoni, Sete Lagoas, Contagem, Betim, Nova Lima, Itabirito, Ouro Preto e Belo Horizonte/MG, e outras cidades. Foi supervisionado pelo maestro Luiz Aguiar de 1982 até início de 2014, quando de seu desencarne.

Atualmente o Coral Scheilla conta com 31 coralistas. É regido pela maestrina Neide Ziviani e tem como coordenadora administrativa a coralista Maria Madalena Maciel. São 12 sopranos, 5 contraltos, 7 tenores e 6 baixos, que alegram os corações e levantam os caídos por meio da música, sob o amparo da Espiritualidade Maior, tendo o espírito Scheilla como mentora espiritual.

Seu lema é “Nossa missão não é só cantar… É muito mais, é muito amar”, e o seu repertório é composto de músicas espiritualizantes harmonizadas a 4, 6, 7 e 8 vozes; músicas populares e do folclore nacional e internacional (canta em 7 idiomas).

Tem como atividades principais:

  • Harmonização nas reuniões públicas de domingo à noite no Grupo Scheilla
  • Apresentações em diversos grupos espíritas em Belo Horizonte e outras cidades;
  • Apresentações em Encontros Fraternos Regionais do MOFRA – Movimento da Fraternidade;
  • Apresentações especiais no CONFRASCHEILLA;
  • Apresentações em reuniões comemorativas de grupos espíritas sediados em diversos estados do Brasil;
  • Apresentações em núcleos de hansenianos;
  • Apresentações em hospitais;
  • Apresentação em clubes.

Dia, local e horário de ensaio: aos sábados, de 9h às 11h30 no Centro Espírita Oriente.

Apresentações semanais no Centro Espírita Oriente: reunião pública de 5ª feira à noite, que acontece de 19h30 às 21h.

Contatos: Maestrina Neide Ziviane ou coordenadora Madalena Maciel, após os ensaios ou reunião pública.