Infância e Juventude

Olá galera simpática da Evangelização infantil e demais leitores. Nesta edição, homenagearemos o dia das mães. Vejam a cartinha que o Lucas e a Clara escreveram para a mamãe deles.

Será que ela vai gostar? E vocês, aproveitem a ocasião para homenagear a mamãe de vocês, com desenhos, cartas, e beijos bem gostosos. Ela merece e vai adorar.

Mamãe querida!

Você é muito especial para nós.
Durante a nossa gestação,
Você viveu uma grande emoção.
Preparou o nosso enxoval.
Cuidou de sua saúde.
Para não nos causar nenhum mal.
Suportou, muitos desconfortos, é verdade.
Sua vontade em nos receber, fez de você uma vencedora.
Quando nascemos, se desdobrou em cuidados, mimos, carinho e amor.
Com ajuda do papai, nos acalmou em seus braços, com cantigas de ninar.
Nunca se pôs a reclamar.
Crescemos um pouco e os cuidados, nesta fase, foram para lindas histórias nos contar.
Ah! Em seu aconchego, nada temíamos!
Depois, chegou o tempo de irmos para a escola.
Os primeiros dias sentimos muito a sua falta.
E você, querida mamãe, passou a nos ajudar nos deveres de casa.
Mãezinha querida! Você se lembra, de como nós brincávamos? Você saía momentaneamente de seu “mundo” adulto, para, ludicamente, se transformar numa criancinha fofa.
Aí! Que saudades daqueles momentos.
Um tempo chato para nós, naquela época, foi quando você corrigia as nossas traquinagens.
Hoje, crescidos, podemos compreender que, o que você fazia foi para nos educar.
Atualmente, somos pessoas honestas, íntegras, amigas e responsáveis.
Mamãe querida, pedimos a Deus, que lhe abençoe, por tudo que nos proporcionou e ensinou.
Somos seus fãs de “carteirinha”.
Hoje, com seus cabelos brancos, seu corpo cansado, saiba querida, que aninharemos você, em nossos braços fortes.
Conte conosco. Você não está só.

Beijos dos seus filhos, Lucas e Clara